Pesquisar este blog

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2008

A Brincadeira

Estou lendo o livro A Brincadeira, do escritor tcheco Milan Kundera, e gostaria de compartilhar uma passagem dele com vocês. Ainda não terminei de ler(na verdade tô me enrolando bastante, as férias estão sendo passadas mais fora de casa que dentro), e por isso não posso dar minha opinião sobre a obra. É claro, contudo, que eu recomendo a leitura, porque o que vem do Kundera é, sempre, no mínimo, excelente. Segue, portanto:

"O importante é ser como se é, não se envergonhar de querer aquilo que se quer, se desejar aquilo que se deseja. Os homens são escravos das normas. Alguém lhes disse que era preciso ser desse jeito ou daquele, então eles se esforçam para ser assim e não saberão nunca como eram nem como são. Conseqüentemente não são ninguém. Mais do que tudo, é preciso ousar ser você mesmo."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião me interessa. Comente!